sábado, 11 de agosto de 2012

Dia do Estudante- E.E.Padre José Senabre

Aconteceu hoje na E.E.Padre José Senabre a comemoração do dia do estudante.

Foi uma manhã muito animada com apresentação musical de alguns de nossos artistas, bingo com diversas prendas, e um lanche especial tudo isto para homenagear aqueles que ajudam a construir a história da nossa escola. Nossos queridos alunos!!!


Como nasceu o dia do estudante?


No dia 11 de agosto de 1827, D. Pedro I instituiu no Brasil os dois primeiros cursos de ciências jurídicas e sociais do país: um em São Paulo e o outro em Olinda, este último mais tarde transferido para Recife. Até então, todos os interessados em entender melhor o universo das leis tinham de ir a Coimbra, em Portugal, que abrigava a faculdade mais próxima.
Na capital paulista, o curso acabou sendo acolhido pelo Convento São Francisco, um edifício de taipa construído por volta do século XVII. As primeiras turmas formadas continham apenas 40 alunos. De lá para cá, nove Presidentes da República e outros inúmeros escritores, poetas e artistas já passaram pela escola do Largo São Francisco, incorporada à USP em 1934.
Cem anos após sua criação dos cursos de direito, Celso Gand Ley propôs que a data fosse escolhida para homenagear todos os estudantes. Foi assim que nasceu o Dia do Estudante, em 1927.


Oração do estudante

Senhor, eu sou estudante, e por sinal, inteligente.
Prova isto o fato de eu estar aqui, conversando com você.
Obrigado pelo dom da inteligência e pela possibilidade de estudar.
Mas, como você sabe, Cristo, a vida de estudante nem sempre é fácil.
A rotina cansa e o aprender exige uma série de renúncias: o meu cinema, o meu jogo preferido, os meus passeios, e também alguns programas de TV .
Eu sei que preparo hoje o meu amanhã.
Por isso lhe peço, Senhor, ajuda-me a ser bom estudante.
Dê-me coragem e entusiasmo para recomeçar a cada dia.
Abençoe a mim, a minha turma e os meus professores. 
Amém.



































3 comentários:

  1. João Paulo Ferreira de Assis12 de agosto de 2012 12:22

    Prezada amiga Professora Cristina

    Eu estou de licença médica desde 28 de maio, e estou completamente por fora do que acontece na escola. Li no blog do Euler o seguinte comentário, que diante de tantas coisas surreais que vêm acontecendo na Educação mineira, não é de se duvidar que haja acontecido mesmo, embora o comentarista haja se identificado como pouco de humor. Leiamo-lo:

    poucodeHUMOR11 de agosto de 2012 23:46

    Sobre o tal Módulo II com os pipeiros, foi apresentada a questão que um professor de matemática colocou na prova, + ou - assim, ó, ó, ó...

    "Converta 250º em radianos"

    RESPOSTA CRIATIVA DO ALUNO:

    "Creio em Deus Pai, Todo Criador do céu e da Terra etc e tal e no final, após o amém ~ESTÁ CONVERTIDO!"

    Comentário do pipeiro: "O aluno acertou a questão, é um gênioooo... O professor considerou a solução da questão errada, mas, o enunciado é que está errado: Descontextualizado, sem significado para o aluno. Qual é o objetivo de um enunciado desse tipo?!"

    Isto tem acontecido mesmo, Professora? Sermos desautorizados desse jeito? Ou estamos diante de uma piada? Acho que a gente tem que encostar esses pipeiros na parede e começar a perguntar diante dos alunos coisas que eles não sabem.

    ResponderExcluir
  2. Caro colega João Paulo, não estou par dos fatos, ando sumida do blog do Euler e até do meu. Problemas de saúde em família e muito trabalho.
    O que sei é que cada dia me decepciono mais e mais com a educação. Estou tentando fazer tudo para não interferir muito no meu trabalho, mas está muito difícil confesso.
    Um abraço e melhoras para você!

    ResponderExcluir
  3. Cris, bom dia!
    Por acaso vc tem notícias do 14º?
    Teremos esse ano?
    Muito obrigada e aguardo resposta.

    Patrícia

    ResponderExcluir