quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Governo insiste em permanecer na ilegalidade... resultado: a greve continua até o pagamento do PISO


Nosso grito de guerra!!!


Mesmo após a publicação do acórdão, o governo de Minas insiste em permanecer na ilegalidade e nem toca no PISO, na lei 11.738/08, só fala em novo subsídio.

Diante desta intransigência não tivemos outra alternativa a não ser, continuar em greve até o pagamento do PISO!!!

Hoje deveria ter no pátio da ALMG, mais ou menos uns 10mil servidores. Quanta energia!!

Cobertura da mídia:



Após nova assembleia, professores estaduais decidem manter greve



Pagamento de piso nacional aos professores é determinado pelo STF



Equipes do Governo estão reunidas para analisar sentença do STF



Passeata de professores se divide e bloqueia, ao mesmo tempo, vários pontos de BH



Decisão do STF não muda postura adotada pelo governo de Minas




Seplag vai aguardar decisão final do STF para se pronunciar a respeito do piso para professores




Repórter, quem está complicando a vida de milhares de família é o governo de Minas que ignora uma lei Federal e o STF!!!
Infelizmente, se não pararmos o trânsito nenhum meio de comunicação noticia sobre a greve!!

PEDIMOS DESCULPAS PARA A POPULAÇÃO PELO TRANSTORNO, MAS ESTE É O ÚNICO MEIO DE SERMOS OUVIDOS!!




Momento em que votamos pela continuidade da greve!



Assim que cheguei em casa depois da Assembleia, dei de cara com a Secretária Renata Vilhena sendo entrevistada pela repórter do MGTV. Me deu ânsia de vômito, ouvir da boca dela que o melhor para os educadores é o subsídio. Pois assim quando eles se aposentarem, não perderam benefícios com pó de giz! Entre ouras asneiras. Faça-me rir!!!
Companheiros, na mesma hora enviei um e-mail para a dita emissora:

Fiquei decepcionada com a entrevista feita agora com a Secretária de Planejamento Renata Vilhena a respeito da greve.Em nenhum momento a repórter perguntou sobre a lei Federal 11.738/08 para a secretária? Antes o governo não pagava o piso porque esperava o acórdão ser publicado, agora ele já foi publicado e o governo mudou o discurso. Aliás o governo mudou o discurso várias vezes. Algum repórter tem que se inteirar dos fatos para questionar de forma efetiva o governo/secretária o por quê do não cumprimento da lei do PISO Nacional do Magistério. Se o governo não tem recursos, a lei prevê o complemento da folha de pagamento com recursos da União.Espero ainda assistir nesta emissora este questionamento ao governo. Bom senso é o que está faltando ao governo que insiste em descumprir uma lei federal e quer provar que o subsídio é melhor opção. Subsídio é sinônimo de confisco para os educadores.Hoje, se o governo pagasse o piso do MEC proporcional, teria um acréscimo de 3.44%, é muito pouco para postergar a solução desta greve de 77 dias.

Maria Cristina Costa - professora que espera uma reportagem imparcial, digna de uma emissora com o porte da rede globo.


Alguns momento de nossa greve:

















Para completar, palavras do nosso combativo Colega e Comandante, João Martinho


Equipes do governo analisam sentença do STF sobre pagamento do piso enquanto fazíamos a nossa Assembleia. Vamos aguardar para ver o resultado desda reunião.

Fonte: http://www.em.com.br/app/noticia/gerais/2011/08/24/interna_gerais,246901/equipes-do-governo-analisam-sentenca-do-stf-sobre-pagamento-do-piso.shtml


As equipes jurídica e de recursos humanos do governo do estado estão reunidas na tarde desta quarta-feira para avaliar a implicação do acórdão do Superior Tribunal Federal (STF), publicado hoje, que determina o pagamento do piso salarial nacional aos professores. A expectativa, segundo a assessoria de imprensa da Secretaria de Estado de Educação (SEE), é de que o posicionamento seja divulgado até o fim da tarde.
O acórdão que garante aos servidores o pagamento de piso salarial nacional como vencimento básico foi publicado no Diário da Justiça. A resolução faz cumprir a Lei 11738 de 2008 e julga improcedente a Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI 4167) impetrada por governos estaduais contra a obrigatoriedade do pagamento do piso aos professores.

A decisão rejeita o subsídio, que engloba gratificações e benefícios na remuneração do servidor. Segundo o acórdão, o piso corresponde ao vencimento e não à remuneração global. Com a medida cautelar publicada hoje, os governos estaduais ficam obrigados a pagar o piso aos trabalhadores. Porém, ainda cabe recurso à decisão do STF. Esse pagamento é a principal bandeira defendida pelo Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-Ute-MG) na greve que começou dia 8 de junho deste ano.

De acordo com o departamento jurídico do Sind-Ute-MG, cerca de 90% do professores da rede estadual de Minas recebem os salários baseados no vencimento básico. Esses servidores, portanto, são os principas beneficiados pela decisão do STF.


Notícia do Acórdão (TV BAND) - 24/08




comentários:

Anônimo disse...

Companheiros:

Se o governo não pagar o piso agora.Só tem uma justificativa,,,não ta nem ai para aeducação,,,ta querendo que os alunos se danem .Será a destruição da educação. Se não pagar esse piso a educação vai piorar cada vez mais ,,,profissional insastifeito não produz. E prepare muitos vão entrar em depressão e será uma enxurrada de atestados médicos.Pense bem seu governador a besteira que voce pode evitar,,,paque logo esse piso ainda a tempo de sair bem na fita e evitar um mal maior.

Kássia Guedes disse...

Sou professora de matemática há mais de 25 anos, e estou indignada com o pouco caso que o
governador está vendo a greve.
Vai chegar um ponto que ninguém vai querer ser professor.
Kássia Guedes

João Paulo Ferreira de Assis disse...

Prezada amiga Professora Cristina

Acho que o limite para a desobediência já foi alcançado. A corda se esticou até onde não dava mais. O Governador querendo ou não vai ter de pagar o Piso. Agora é obrigação. Quando muito ele pode entrar com um embargo declaratório pedindo o esclarecimento de algum ponto cujo sentido porventura haja permanecido na obscuridade. Mas é obrigação. Tem que pagar. Esperemos que finalmente ele libere a tabela do Piso para nós e encerremos esta greve.

Cristina Costa disse...

Nossa João Paulo, nunca vi um governinho como este!!

Parece que estamos num pesadelo sem fim!

Depois de ouvir aquelazinha falando na Globo com aquela cara de cínica fico pensando será o que se passa na cabeça deles?

Mas o que interessa mesmo, é que O PISO está a caminho e é como dissemos: Com luta com garra o piso sai na marra!

Como você bem disse, querendo ou não ele terá que nos pagar o piso!!!

Anônimo disse...

Conpanheiros a vitória esta próxima graças a Deus,,só tô com pena de quem não confiou no sindicato e quiz ficar no sistema antigo.Veja a fala da Renta vilhena segundo o jornal o tempo:

"A decisão ainda cabe recurso, por isso não queremos nos antecipar. Mas se o Supremo determinar o pagamento do piso, nós vamos aplicar aos profissionais que permaneceram no regime antigo", explicou Renata. Segundo ela, a determinação do STF não será válida para os servidores que já haviam migrado para o subsídio.

http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=127698,NOT

Rodrigo Souza disse...

Quem são os quatro grandes ratos da educação?
Anastasia
Renata Vilhena
Gazola
Aecio

Viva a educação!
Abaixo aos ratos despotistas de Minas!

.Pais de alunos cobram do Ministério Público Estadual solução para a greve na educação





Anônimo disse...

Cristina!
Ontem foi um dia muita energia e força na nossa assembléia! Que beleza de manifestação!
Também passei email para os editores da globo e outras, mas hoje pela manhã eles levaram ao ar outra asneira ... uma reportagem com professores substitutos, absurda!!! Você não acha?
Bernadete

Cristina Costa disse...

Bernadete,

hoje não assisti!
Mas estes repórteres só perguntam e fazem o que o governo manda ou deixa. É um absurdo! Não existe liberdade de expressão neste País!!




Bêe disse...

Adorei a carta que vc enviou para o MGTV.
Por favor Cris, me envie o endereço deste e-mail, pois vou enviar também, cobrando dessa
emissora uma postura.
Bjs!!!

LEIA: o Jornal do José Elias Issa disse...

Bom diaaa !

Cris

Notícia URGENTE ! ! !

“Sonha e serás livre de espírito…
luta e serás livre na vida. ” (Che Guevara)


"Primeiro eles te ignoram, depois riem de você,
depois brigam, e então você vence." Mahatma Gandhi

A luta é nossa, a vitória está chegando !!!

Estados terão que pagar piso
Governo admite cumprir lei apenas para quem não optou pelo subsídio.

Uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) publicada ontem tornou obrigatório e definitivo o pagamento do piso nacional de R$1.187,97 aos profissionais do magistério da educação básica. O acórdão, assinado pelo relator, o ministro Joaquim Barbosa, e já publicado no Diário Oficial, determina que os Estados cumpram imediatamente a Lei 11.738, de julho de 2008, que normatizou o valor mínimo dos vencimentos para profissionais com carga horária de até 40 horas semanais.

A decisão é uma resposta a uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) proposta no mesmo ano de sanção da lei pelos governos dos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso Sul e Ceará. Apesar de Minas Gerais não estar incluída na ação, também deverá cumprir a norma, que vale para todo o país, conforme determinação do Ministério da Educação (MEC).
FONTE: http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=180440,OTE

Colaboradora: Karina Silva

Veja mais: LEIA: o Jornal do José Elias Issa

Abraços a todos.
Gleiferson Crow
LEIA: o Jornal do José Elias Issa
http://leiajeissaeemg.blogspot.com/

Cristina Costa disse...



Você entra no site

http://g1.globo.com/minas-gerais/

Clica em "serviços"na barra e envia o email.

Pollyanna disse...

Bom dia, blogueiros,
Gostaria de usar esse espaço para fazer uma prece por cada um de nós. Em especial para a Beatriz( ontem eu achei ela muito abatida nas entrevistas, tb não é pra menos), para o Euler,para todo o núcleo duro da greve e para todos os Eucadores( com letra maiúscula).
Pai, estamos aki hj na Tua presença para pedir que olhe para nossa causa. O senhor sabe todas as lutas que passamos dentro e fora de sala de aula. O senhor conhece nosso coração e sabe que o que nos motiva na nossa jornada é o desejo de compartilhar com o senhor o poder da criação e criarmos uma sociedade mais justa através de alunos conscientes, educados, cidadãos éticos, que respeitam seus semelhantes, cumpridores da lei e de seus deveres, mas também fortes lutadores pelos seus direitos. O senhor sabe que nosso desejo é de ajudar nossos queridos alunos para que tenham chance de competir dignamente no mercado de trabalho, e compensá-los de alguma forma pela desigualdade social que sofrem. Deus, o senhor sabe quantas vezes tivemos que ser pais, psicólogos, médicos, amigos...e sabe que todo isso não foi só pelo dinheiro no fim do Mês. Foi feito tb pela nossa consciência e responsabilidade social. SEnhor, até quando esconderás de nós a tua face? Não vê que o inimigo exala soberba enquanto dá o resto as Tuas crianças? Levanta-te, senhor!Detenha-o, derruba-o. Que o teu exército se coloque a nossa frente e trave conosco esse embate. Que nossos inimigos saiam confundidos e envergonhados.Abençoa, senhor a Beatriz, ao comandante Euler, e a cada um de nós. Quando um guerreiro sentir que faltam lhe forças para lutar, coloque um anjo ao seu lado para lhe levantar.Venha, senhor, em nosso auxílio para nos permitir que cumpramos a missão que o Senhor mesmo nos deu : Educar com amor, dignidade e respeito o Teu povo. Amém.
Obrigado, senhor por me ouvir, tu sempres me ouve.

ANA PAULA disse...

A ASSEMBLEIA DE ONTEM FOI LINDA E EMOCIONANTE!
QUANDO LIGO A TV HOJE VEJO UM "PROFESSOR" COM UMA LATINHA DE CERVEJA NA MÃO E BRIGANDO COM UM MOTORISTA DURANTE UMA REPORTAGEM. O REPÓRTER PERGUNTOU SE NOSSA PASSEATA É SÉRIA. TEM FOTO DELE NO SEU BLOG COM UM RATINHO. NÃO PODEMOS DAR MOTIVO PARA FALAR DA NOSSA CATEGORIA!
PRECISAMOS FICAR ESPERTOS!
ABRAÇOS!

.

14 comentários:

  1. Companheiros:

    Se o governo não pagar o piso agora.Só tem uma justificativa,,,não ta nem ai para aeducação,,,ta querendo que os alunos se danem .Será a destruição da educação. Se não pagar esse piso a educação vai piorar cada vez mais ,,,profissional insastifeito não produz. E prepare muitos vão entrar em depressão e será uma enxurrada de atestados médicos.Pense bem seu governador a besteira que voce pode evitar,,,paque logo esse piso ainda a tempo de sair bem na fita e evitar um mal maior.

    ResponderExcluir
  2. Sou professora de matemática há mais de 25 anos, e estou indignada com o pouco caso que o
    governador está vendo a greve.
    Vai chegar um ponto que ninguém vai querer ser professor.
    Kássia Guedes

    ResponderExcluir
  3. Parabéns!!!!!!!!!!!!!!!
    A todos os cidadãos profissionais da educação!
    Todo cidadão de bem das Minas Gerais tem o direito de saber o que se passa na escola pública. E vocês estão dando uma aula exemplar sobre o que está se passando por trás das belas paredes coloridas da escola estadual mineira que aparece na propaganda.
    Com essa garra vocês vão conseguir ensinar a esse birrento o que é p i s o!
    Agradeço!

    ResponderExcluir
  4. João Paulo Ferreira de Assis24 de agosto de 2011 21:43

    Prezada amiga Professora Cristina

    Acho que o limite para a desobediência já foi alcançado. A corda se esticou até onde não dava mais. O Governador querendo ou não vai ter de pagar o Piso. Agora é obrigação. Quando muito ele pode entrar com um embargo declaratório pedindo o esclarecimento de algum ponto cujo sentido porventura haja permanecido na obscuridade. Mas é obrigação. Tem que pagar. Esperemos que finalmente ele libere a tabela do Piso para nós e encerremos esta greve.

    ResponderExcluir
  5. Crissss, que dó do Anastasia!!! Deixou uma greve durar quase três meses, cortou salários de pessoas honestas, colocou em risco o ano letivo dos alunos da rede pública estadual, sem falar na OBMEP, ENEM, Concursos e outros que não houve participação dos alunos e... agora... O PISO É LEI!!! TEM QUE PAGAR!!! SE NÃO PAGAR, O ANO LETIVO DE MINAS FOI PARA O BELELÉU!!!
    Que falta de responsabilidade, hem???

    E AGORA, JOSÉ?abc

    ResponderExcluir
  6. Nossa João Paulo, nunca vi um governinho como este!!

    Parece que estamos num pesadelo sem fim!

    Depois de ouvir aquelazinha falando na Globo com aquela cara de cínica fico pensando será o que se passa na cabeça deles?

    Mas o que interessa mesmo, é que O PISO está a caminho e é como dissemos: Com luta com garra o piso sai na marra!

    Como você bem disse, querendo ou não ele terá que nos pagar o piso!!!

    ResponderExcluir
  7. Quem são os quatro grandes ratos da educação?
    Anastasia
    Renata Vilhena
    Gazola
    Aecio

    Viva a educação!
    Abaixo aos ratos despotistas de Minas!

    ResponderExcluir
  8. Cristina!
    Ontem foi um dia muita energia e força na nossa assembléia! Que beleza de manifestação!
    Também passei email para os editores da globo e outras, mas hoje pela manhã eles levaram ao ar outra asneira ... uma reportagem com professores substitutos, absurda!!! Você não acha?
    Bernadete

    ResponderExcluir
  9. Bernadete,

    hoje não assisti!
    Mas estes repórteres só perguntam e fazem o que o governo manda ou deixa. É um absurdo! Não existe liberdade de expressão neste País!!

    ResponderExcluir
  10. Adorei a carta que vc enviou para o MGTV.
    Por favor Cris, me envie o endereço deste e-mail, pois vou enviar também, cobrando dessa
    emissora uma postura.
    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  11. Bom diaaa !

    Cris

    Notícia URGENTE ! ! !

    “Sonha e serás livre de espírito…
    luta e serás livre na vida. ” (Che Guevara)


    "Primeiro eles te ignoram, depois riem de você,
    depois brigam, e então você vence." Mahatma Gandhi

    A luta é nossa, a vitória está chegando !!!

    Estados terão que pagar piso
    Governo admite cumprir lei apenas para quem não optou pelo subsídio.

    Uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) publicada ontem tornou obrigatório e definitivo o pagamento do piso nacional de R$1.187,97 aos profissionais do magistério da educação básica. O acórdão, assinado pelo relator, o ministro Joaquim Barbosa, e já publicado no Diário Oficial, determina que os Estados cumpram imediatamente a Lei 11.738, de julho de 2008, que normatizou o valor mínimo dos vencimentos para profissionais com carga horária de até 40 horas semanais.

    A decisão é uma resposta a uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) proposta no mesmo ano de sanção da lei pelos governos dos Estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso Sul e Ceará. Apesar de Minas Gerais não estar incluída na ação, também deverá cumprir a norma, que vale para todo o país, conforme determinação do Ministério da Educação (MEC).
    FONTE: http://www.otempo.com.br/noticias/ultimas/?IdNoticia=180440,OTE

    Colaboradora: Karina Silva

    Veja mais: LEIA: o Jornal do José Elias Issa

    Abraços a todos.
    Gleiferson Crow
    LEIA: o Jornal do José Elias Issa
    http://leiajeissaeemg.blogspot.com/

    ResponderExcluir


  12. Você entra no site

    http://g1.globo.com/minas-gerais/

    Clica em "serviço"na barra e envia o email.

    ResponderExcluir
  13. Bom dia, blogueiros,
    Gostaria de usar esse espaço para fazer uma prece por cada um de nós. Em especial para a Beatriz( ontem eu achei ela muito abatida nas entrevistas, tb não é pra menos), para o Euler,para todo o núcleo duro da greve e para todos os Eucadores( com letra maiúscula).
    Pai, estamos aki hj na Tua presença para pedir que olhe para nossa causa. O senhor sabe todas as lutas que passamos dentro e fora de sala de aula. O senhor conhece nosso coração e sabe que o que nos motiva na nossa jornada é o desejo de compartilhar com o senhor o poder da criação e criarmos uma sociedade mais justa através de alunos conscientes, educados, cidadãos éticos, que respeitam seus semelhantes, cumpridores da lei e de seus deveres, mas também fortes lutadores pelos seus direitos. O senhor sabe que nosso desejo é de ajudar nossos queridos alunos para que tenham chance de competir dignamente no mercado de trabalho, e compensá-los de alguma forma pela desigualdade social que sofrem. Deus, o senhor sabe quantas vezes tivemos que ser pais, psicólogos, médicos, amigos...e sabe que todo isso não foi só pelo dinheiro no fim do Mês. Foi feito tb pela nossa consciência e responsabilidade social. SEnhor, até quando esconderás de nós a tua face? Não vê que o inimigo exala soberba enquanto dá o resto as Tuas crianças? Levanta-te, senhor!Detenha-o, derruba-o. Que o teu exército se coloque a nossa frente e trave conosco esse embate. Que nossos inimigos saiam confundidos e envergonhados.Abençoa, senhor a Beatriz, ao comandante Euler, e a cada um de nós. Quando um guerreiro sentir que faltam lhe forças para lutar, coloque um anjo ao seu lado para lhe levantar.Venha, senhor, em nosso auxílio para nos permitir que cumpramos a missão que o Senhor mesmo nos deu : Educar com amor, dignidade e respeito o Teu povo. Amém.
    Obrigado, senhor por me ouvir, tu sempres me ouve.

    ResponderExcluir
  14. A ASSEMBLEIA DE ONTEM FOI LINDA E EMOCIONANTE!
    QUANDO LIGO A TV HOJE VEJO UM "PROFESSOR" COM UMA LATINHA DE CERVEJA NA MÃO E BRIGANDO COM UM MOTORISTA DURANTE UMA REPORTAGEM. O REPÓRTER PERGUNTOU SE NOSSA PASSEATA É SÉRIA. TEM FOTO DELE NO SEU BLOG COM UM RATINHO. NÃO PODEMOS DAR MOTIVO PARA FALAR DA NOSSA CATEGORIA!
    PRECISAMOS FICAR ESPERTOS!
    ABRAÇOS!

    ResponderExcluir